Novo projeto estimula educação empreendedora na rede pública de ensino


Nesta quinta-feira (27), o Instituto Êxito de Empreendedorismo e a UNESCO no Brasil lançaram a primeira parte do projeto "Lições de Empreendedorismo para o Alcance de uma Educação Emancipadora e Transformadora". Foram apresentados a análise e os resultados da pesquisa "Percepções, conhecimentos e expectativas de estudantes e professores do Ensino Médio da rede pública brasileira sobre o empreendedorismo", que teve como objetivo mapear como esses dois públicos enxergam o empreendedorismo. Com os dados coletados pela pesquisa, que teve a participação de 6.595 estudantes e 2.291 professores de ensino público do Brasil, já estão sendo desenvolvidas ações voltadas para os jovens alunos. A expectativa é que o projeto-piloto atenda mais de 10 mil deles, sendo posteriormente estendido a toda a rede pública brasileira. "O Instituto Êxito de Empreendedorismo nasceu com a missão de promover uma verdadeira transformação na vida de jovens brasileiros, por meio da educação empreendedora. Estamos felizes de, junto com a UNESCO, potencializar iniciativas e subsídios que poderão enriquecer as políticas de educação em empreendedorismo", afirma o presidente do Instituto Êxito, Janguiê Diniz. "A partir da pesquisa, temos um panorama do que pensam os jovens e professores da rede pública sobre empreendedorismo e podemos desenvolver produtos e ações direcionadas para incentivar a atitude empreendedora neles", completa. O material didático desenvolvido a partir dos resultados da pesquisa buscará estimular competências, habilidades e atitudes empreendedoras nos estudantes. Os beneficiários também terão acesso à plataforma online do Instituto Êxito, que já possui mais de 500 cursos gratuitos. "Por meio desse projeto, será possível alcançar o passaporte para a emancipação e a cidadania desses jovens, bem como o desenvolvimento social e econômico do país. Nós vamos preparar uma nova geração de empreendedores brasileiros, descobertos nas escolas públicas de Ensino Médio", explica o vice-presidente do Instituto, Celso Niskier.

"Com a pesquisa sobre o empreendedorismo nas escolas de Ensino Médio, estamos ajudando na construção de um futuro com menos desigualdades e mais oportunidades para todos", destaca a diretora e representante da UNESCO no Brasil, Marlova Jovchelovitch Noleto. A pesquisa está disponível, na íntegra, no site do Instituto.


Por Redação

Via Administradores.com

0 comentário

Posts recentes

Ver tudo